José Pancetti –  Navegar É Preciso

Galeria Almeida e Dale
Segunda a sexta, 9h às 19h
Sábado, 10h às 14h

A mostra traz parte da vasta produção de Pancetti – representante do modernismo brasileiro que gostava de pintar ao ar livre – além de fotos, cartas e documentos de época.

Marinheiro desde os 16 anos, ele é mais conhecido por suas Marinhas, série de telas sobre a paisagem litorânea.

Contudo, o artista iniciou sua carreira na década de 1940 retratando a cidade com cargas de melancolia e sufocamento e criou uma aridez pictórica que viria a flertar com a abstração.

Ao se mudar para Salvador, sua produção tornou-se mais colorida e alcançou projeção internacional.

Para a curadora, Pancetti (marinheiro, camponês, almirante e pescador – facetas com que se autorretratava) pintou as paisagens, a si e o povo brasileiro sem se ater a uma brasilidade teórica.

Curadoria: Denise Mattar

Comente