• tags

  • som

  • Durante a arte moderna e contemporânea, o som passou a ser um material de trabalho das artes visuais com experimentações futuristas, dadaístas e surrealistas. Nos anos 1960, a arte cinética (que se move) e as mídias eletrônicas transformaram as possibilidades de trabalho com o som. Diferentemente da música e do audiovisual, ele é pensado como um elemento plástico do trabalho, ainda que isso varie de acordo com a proposta de cada artista. Exemplos de abordagens diferentes são as obras de Wassily Kandinsky, John Cage e, mais recentemente, Janet Cardiff.


  • MAM SP

  • Projeto Parede – Mergulhe Em Mim Para Poder Surgir de Mim

  • Centro Cultural Cartola / Museu do Samba

  • 100 Anos do Samba