• tags

  • vídeo

  • Surgido nos anos 1960, o vídeo possibilitou a captação e exibição de som e imagem em movimento, gravada de um modo maleável à manipulação artística. Alguns nomes considerados referência em sua experimentação são Nam June Paik, Bill Viola, Bruce Nauman e Chantal Akerman. A exploração da técnica gerou vertentes como a vídeo-arte, vídeo-instalação, vídeo-performance, vídeo-poesia etc. Hoje, a presença intensa do audiovisual na sociedade oferece novas possibilidades para projetos em vídeo.


  • Anita Schwartz Galeria

  • Luiza Baldan – Estofo

  • Galeria Vermelho

  • Gisela Motta e Leandro Lima – Psicose

  • MIS SP

  • Pontogor – Frente à Realidade, Desisto

  • Instituto Tomie Ohtake

  • É Como Dançar Sobre a Arquitetura

  • Galeria Luisa Strina

  • Antoni Muntadas – Dérive Veneziane

  • Galeria Bergamin & Gomide

  • Fabio Mauri – Senza Arte

  • Mercedes Viegas

  • Raphael Couto – Tronco

  • Galeria Jaqueline Martins

  • Letícia Parente – Eu Armário de Mim

  • Sesc Vila Mariana

  • Meus Caros Amigos – Augusto Boal – Cartas do Exílio

  • Itaú Cultural

  • Coleções Brasiliana e Numismática